OLHARES SOBRE A GUERRA
Chega ao Brasil obra do japonês Seiho Takizawa, e o melhor, em uma edição que agrada ao bolso

Por Paulo Floro
Editor da Revista O Grito!

Contos de guerra sempre serviram à literatura e também aos quadrinhos. Mas este Who Fighter que chega agora às bancas adiciona ideias criativas a esse tipo de história. Lançado pela HQM, o mangá escrito por Seiho Takizawa se inspirou no famoso romance de Joseph Conrad, Coração das Trevas e adicionou alienígenas, intrigas e paranoia.

A HQ foi anunciada pela editora em 2008 e só lançada agora. Traz três histórias. A primeira traz como tema os chamados Foo Fighters, as misteriosas bolas de fogo vistas por pilotos de avião e que foram tidas como Ovnis. Após abater um desses objetos, um ás japonês começa a ter a sanidade ameaçada. Takizawa adiciona elementos de ficção científica, poderes de intangibilidade, mas conquista o leitor ao jogar com o medo e paranoia.

» Veja um preview da obra

Essa história tem um roteiro cheio de nuances, requer um tempo mais demorado do que estamos acostumados com mangás, sempre tão dinâmicos, até os mais cults. Isso não atrapalha a HQ, até porque isso faz parte do estilo do autor, mas pode afugentar alguns leitores já que se trata da história de abertura da edição.

A segunda história, a melhor do livro, é a visão do autor para o clássico O Coração das Trevas, de Joseph Conrad, que também inspirou o filme Apocalypse Now. Kurutsu é um herói de guerra japonês que decide desertar criando um reino particular em uma floresta da Birmânia (atual Mianmar).

Esta é a estreia de Seiho Takizawa no Brasil, autor que tem obras lançadas nos EUA, onde tem admiradores. Esta versão lançada pela editora HQM é uma versão do que saiu pela americana Dark Horse Comics. A edição nacional se destaca por optar em lançar como uma revista, ainda que superior ao que costumamos encontrar nos mangás das bancas.

Essa opção barateou a obra, o que é ótimo para os leitores. Bom trazer novas visões do gênero mangá para as bancas.

WHO FIGHTER E O CORAÇÃO DAS TREVAS
Seiho Takizawa (texto e arte)
[HQM, 208 págs, R$ 14,90]

NOTA: 8,0

Comentários

Ou comente por aqui: