O quadrinhista Mário Cau anunciou nesta semana que sua adaptação para uma das maiores obras da literatura brasileira está pronta.

Dom Casmurro é o penúltimo projeto financiado pelo Programa de Ação Cultural (ProAC) no edital de 2011 concluído. Resta apenas Zú Kinkajú, de Céu D’Ellia, previsto para julho.

Com roteiro de Felipe Greco e arte de Mário Cau, Dom Casmurro tem 232 páginas e traz prefácio do jornalista Paulo Ramos, do Blog dos Quadrinhos, e texto de Nailor Marques Júnior, professor de Literatura e estudioso da obra de Machado de Assis.

A trama é narrada pelo personagem Bentinho, e centrada em seu amor pela amiga de infância Capitu (a dos “olhos de ressaca”) e a desconfiança da traição da amada com seu melhor amigo, Escobar.

O lançamento pela Devir terá duas versões, em capa dura (R$ 65) e cartonada (R$ 56), e já está à venda no site da editora.

Com Dom Casmurro, são nove os projetos do Proac 2011 lançados: Fade Out: Suicídio Sem Dor (Roberto Skubs Sobrinho), Se a Vida Fosse como a Internet (Pablo Carranza), A Jornada de Guga e Léo (Marcelo Shun Izumi), Seu Turno (Éder Gil de Souza), A Desistência do Azul (Leandro Melite Moraes), Sabor Brasilis (George Victor Schall), Km Blues (Daniel Esteves) e Alma: A História da Praça Esportiva Mais Antiga do País (Fernandes).